Celebridades

Sandra Machado: a filha renegada de Pelé, que morreu sem ser reconhecida; Rei não foi ao velório

Pelé não quis conhecer a filha e nem foi ao velório dela.

Edson Arantes do Nascimento, o conhecido como Pelé, o Rei do Futebol, está enfrentando um câncer e conta com o apoio de sua família nesse momento de dor. Pai de sete filhos, o ex-jogador do Santos fez sucesso mundial, quando integrou a Seleção Brasileira de Futebol.

Pelé tem sete filhos: Kelly, Edinho, Jennifer, os gêmeos Joshua e Celeste, Flávia Christina e Sandra Machado. Contudo, Sandra precisou lutar na Justiça para ser reconhecida como filha biológica do ex-jogador.

Sandra Machado era filha de Pelé com a empregada

Sandra é fruto do relacionamento de Pelé com a empregada da família, Anísia Machado. Ela nasceu no Guarujá, São Paulo, no dia 24 de agosto de 1964. Quando completou 27 anos, em 1991, Sandra procurou a Justiça para ser reconhecida como filha biológica do ex-atacante.

Após cinco anos de guerra judicial, um exame de DNA comprovou que Sandra era filha de Pelé. Mas, mesmo com o exame apontando a paternidade, Pelé preferiu não se aproximar da filha. ”Para mim, biologicamente, ela pode até ser minha filha. Mas, na parte sentimental, não posso me preocupar com essa pessoa, porque não a conheço”, disse o astro do futebol, em uma entrevista que concedeu na época.

Sandra Machado empenhou sua vida a ajudar pessoas a conseguirem realizar o teste de paternidade gratuitamente pelo SUS. Ela foi eleita vereadora e tornou esse sonho uma realidade.

Sandra faleceu aos 42 anos, vítima de câncer

A filha renegada de Pelé faleceu em 2006, quando tinha apenas 42 anos. Sua morte foi devido às complicações de um câncer de mama. Sandra era casada e teve dois filhos. Pelé enviou flores para o velório da filha.