Notícias

Homem morre congelado após ficar sumido por horas no dia do aniversário; filha se emociona em desabafo

O homem teria ido à uma loja e a família estranhou quando ele não voltou para casa.

Um homem de 56 anos, identificado mais tarde como William Clay, foi encontrado sem vida e congelado. Ele foi localizado na véspera de Natal e dia do seu aniversário, no município de Buffalo, que fica nos Estados Unidos.

Antes de ser achado morto, a família havia feito postagens nas redes sociais comunicando o seu desaparecimento. Ele teria saído de casa para fazer compras em uma loja e os familiares estranharam quando o homem não retornou para casa.

Homem morre congelado em onda de frio

O corpo de William foi encontrado congelado, de acordo com informações do portal norte-americano, New York Post. Infelizmente, esse caso do homem não é isolado no país. Outras 47 pessoas também morreram por conta da onda de frio que assola os Estados Unidos.

Após o homem ser localizado sem vida, Sophie Clay, irmã dele, fez um perfil na internet pedindo ajuda para cobrirem o funeral. “Peço humildemente doações para enterrar meu irmão”, escreveu.

Jules, filha da vítima, comentou sobre o fato e fez um emocionante desabafo em suas redes sociais. “Essa dor é esmagadora. Eu não consigo parar de chorar”, disse, completando que é grata por ter falado com o pai no dia anterior e ter lhe dito que o ama.

Onda de frio histórica nos Estados Unidos

A onda de frio nos Estados Unidos está provocando nevascas históricas pelo país. Estima-se que pelo morreram ao menos 47 pessoas, tendo ainda várias partes do país com cortes de energia elétrica e aeroportos cancelando voos.

Segundo o Serviço Meteorológico Nacional, não se tem previsão de quando a temperatura volte ao normal. Há alerta para algumas regiões para temperatura chegando a -50ºC.